O país das mulheres

  • Brochura R$59,90

R$59,90

Compartilhe:


Sinopse

 Com humor fino, a premiada autora Gioconda Belli cria um mundo ideal para as mulheres, imaginando um futuro que ainda hoje só encontramos na ficção. 
   
 Os anos dominados pela incompetência e opressão masculinas seguiam inabaláveis em Fáguas, um pequeno e fictício país latino-americano, até que o vulcão Mitre entra em erupção – e logo durante as eleições presidenciais. Após inalarem, por três dias, a fumaça expirada pelo imponente vigia, os homens ficam sonolentos e seus níveis de testosterona caem drasticamente, abençoando Fáguas com uma quietude jamais vista. Curiosamente, ao mesmo tempo, a impopular candidata Viviana Sansón, do Partido da Esquerda Erótica, vence a corrida eleitoral. 
 Porém, no segundo ano de mandato, Viviana Sansón entra em coma após sofrer um atentado. Uma onda de incertezas abate o povo e todos se perguntam quem atirou na presidenta. Essa pessoa teria agido sozinha? Quando Sansón acordará? Se é que acordará. Quem governa na ausência da presidenta, já que o país não tem uma vice? Com essa crise virá o retrocesso? 
 Nesta utopia feminista que recebeu o Prêmio La Otra Orilla, a escritora e ativista nicaraguense Gioconda Belli, vencedora do Prêmio Casa de Las Américas, expõe, de forma satírica, as diferenças entre homens e mulheres no poder. Em um momento de extremismo político e descrença na democracia, Gioconda Belli provoca a compreensão de que a superação dos problemas sociais exige mudanças urgentes. 
   
 “Feminismo e políticas progressistas continuam sendo os principais temas na obra de Gioconda Belli. Ela é, sem dúvida, uma inventora de narrativas.” – Los Angeles Times 
 “Gioconda Belli é uma das vozes políticas e intelectuais mais importantes da Nicarágua. É considerada por seus conterrâneos uma das intelectuais mais livres e criticamente engajadas na luta pela democracia.” – Bomb Magazine 
 “Um romance repleto de personagens reais, políticos corruptos, juízes depravados, estupradores e agressores, mas que também é sobre a vida cotidiana e a natureza exuberante e telúrica de Fáguas.” – Confidencial  
 “Nesta obra, a história do país fictício latino-americano Fáguas, governado pelas integrantes do Partido da Esquerda Erótica (PEE), é contado por sua presidenta, Viviana Sansón – vítima de um atentado -, em uma narrativa crítica e bem humorada sobre como poderia ser um país dirigido inteiramente por mulheres.” – Brasil de Fato 

Características

  • ISBN: 978-65-89828-31-0
  • Título Original: El país de las mujeres
  • Tradutor: Ana Resende
  • Formato: Brochura; Com orelhas
  • Suporte: Texto
  • Altura: 20.5cm
  • Largura: 13.5cm
  • Profundidade: 1.8cm
  • Lançamento: 26-02-2024
  • Páginas: 384